Aeroporto vai trazer novo ciclo de desenvolvimento para Pato Branco diz Giacobo

D8016B22-5D2A-4592-9B5A-C03CAE391694

Aeroporto vai trazer novo ciclo de desenvolvimento para Pato Branco diz Giacobo

O deputado Fernando Giacobo afirmou nesta sexta-feira, 11, que o novo aeroporto de Pato Branco vai trazer novo ciclo de desenvolvimento para toda região sudoeste do Paraná. “Trabalhamos forte para viabilizar os recursos para a revitalização completa do aeroporto – uma nova pista, novo terminal e um caminhão de combate a incêndio – e na certificação da Anac para os voos regulares para Pato Branco”, disse Giacobo nesta quinta-feira, 10, na inauguração do Aeroporto Municipal Juvenal Loureiro Cardoso.

“Antes, os moradores da cidade e região dependiam dos aeroportos de Cascavel ou Chapecó em Santa Catarina e agora teremos a operação de voos da Azul. Os investimentos, o que inclui recursos federais, estaduais e municipais, somam mais de R$ 15 milhões”, completou Giacobo.

Para o deputado, o novo aeroporto e a linha comercial vai incentivar que novas empresas e novos negócios possam ser abertos em Pato Branco. “O nosso trabalho é dotar as cidades de infraestrutura adequada para um novo ciclo econômico que resultará em mais empregos, que é o que a população precisa e que vai ser o diferencial no nosso estado”, disse.

Investimentos
A revitalização do aeroporto de Pato Branco foi iniciada em 2017 e em setembro de 2018 o Departamento de Controle do Espaço Aéreo alterou a classificação do local de “aeródromo” para “aeroporto”, o que permite a operação de voos regulares.

Desde janeiro de 2017, o aeroporto recebeu mais de R$ 15 milhões em intervenções estruturais. Além do repasse do Estado, os investimentos foram fruto de parcerias do município com o governo federal e com a Associação Empresarial de Pato Branco.

Mais voos
A nova rota da Azul vai atender toda a região Sudoeste. Neste mês, está programado um voo semanal da companhia às quintas-feiras. Com capacidade para 70 passageiros, os primeiros voos da aeronave ATR-72 já estão lotados. A expectativa da Azul é, a partir de 5 de abril, ampliar a malha local, adicionando mais quatro voos entre Curitiba e Pato Branco, por semana. A ampliação de voos está atrelada à completa certificação do aeroporto pelas autoridades aeronáuticas.

Para viabilizar novos voos , o Estado reduz o ICMS sobre o querosene de aviação em dois pontos percentuais a cada nova rota criada nos aeroportos do Paraná. O incentivo fiscal diminui os custos com o combustível, que é um dos grandes gastos das empresas aéreas, e pode atender todas as companhias interessadas em operar novas rotas do Paraná.

D8D209F2-303F-4002-9770-7EFC293E27B9 A23974D3-E231-44EB-B6E1-AAA2F2A3F238 F1C0AE27-81CD-405B-BF95-9B6BDC6F8A58 AE861611-840C-4A1F-9097-70A1F4C352C0 0740FCC6-5EC7-4482-9DD5-E0027B84BDD3 39EDBCD4-2DC7-4F8E-8333-30E714427459

Deixe um comentário