Giacobo defende orçamento maior para a saúde em 2021

WhatsApp Image 2020-09-10 at 17.33.32

Giacobo defende orçamento maior para a saúde em 2021

O deputado Giacobo (PL) participa em outubro da primeira reunião da bancada paranaense que começa a definir as emendas coletivas ao orçamento da União para 2021. Giacobo terá até R$ 16,2 milhões em emendas individuais – metade desse montante deve ser obrigatoriamente destinada à saúde – e a bancada de 33 parlamentares (três senadores e 30 deputados) mais R$ 247 milhões. No total, o Paraná poderá ter R$ 735 milhões para investimentos através das emendas que são impositivas, ou seja, devem empenhadas e pagas.

“Nesse momento da pandemia e até na pós-pandemia é muito importante reforçar os serviços de saúde do Paraná. Eu defendo que os recursos para este setor, através das emendas parlamentares, sejam ampliados a mais dos R$ 268 milhões previstos constitucionalmente”, disse Giacobo.

O projeto do orçamento da União para 2021 deve ser votado até a última sessão do Congresso Nacional (Câmara dos Deputados e Senado), o que deve ocorrer ainda em dezembro. “São duas grandes prioridades para 2021, ampliar os recursos para saúde e dos programas sociais e retomar a abertura de postos de trabalho. Para isso, as pequenas e grandes obras e a construção civil serão fundamentais para que as cidades possam criar novos empregos de forma mais rápida”.

Além das emendas individuais, Giacobo está articulando com os demais deputados e senadores paranaenses, a destinação das emendas de bancada, que também são impositivas. “Tenho conversado muito para que se priorize a saúde, principalmente em relação aos pequenos municípios que têm menos condições de enfrentar a pandemia”, afirmou.

Giacobo lembrou da destinação de cerca de R$ 250 milhões para 157 municípios do estado para o combate ao coronavírus ainda este ano como exemplo da articulação dos parlamentares do Paraná. “São vários municípios que receberam recursos para o enfrentamento da covid-19”.

Deixe um comentário