Giacobo entrega vans e equipamentos para saúde em Foz do Iguaçu

IMG-20191018-WA0104

Giacobo entrega vans e equipamentos para saúde em Foz do Iguaçu

O deputado Giacobo (PL-PR) participou nesta sexta-feira, 18, da entrega de sete novos veículos – três vans e quatro carros – que serão utilizados na Secretaria de Saúde e de equipamentos para o Hospital Padre Germano Lauck em Foz do Iguaçu. “Não fazemos nada além do nosso trabalho como parlamentar de trazer mais recursos para Foz do Iguaçu, principalmente na área de saúde, que é muito demandada pela população”.
O prefeito Chico Brasileiro (PSD) reconheceu os esforços de Giacobo em prol da cidade. “O deputado Giacobo sempre esteve presente nos momentos mais difíceis. Nestes últimos anos, recebemos muito apoio do deputado, foram mais de R$2 milhões em emendas que utilizamos no hospital municipal, e na implantação de um novo sistema de cadastro online de pacientes”.
“Além disso, ele trabalhou diretamente na articulação para os investimentos federais na cidade, a exemplo, da ampliação do aeroporto, construção da segunda ponte e perimetral, que somados os investimentos ultrapassam R$ 100 milhões”, completou.
Parceria – Dos sete novos veículos, três são do modelo van e serão destinadas aos serviços de transporte sanitário e social e do tratamento fora do domicílio e quatro são carros de passeio que serão utilizados para os serviços da atenção básica da Secretaria Municipal de Saúde.
A parceria também recebeu destaque na fala do vice-prefeito e secretário de saúde, Nilton Bobato, que ressaltou a importância da nova aquisição para a geração de economia e a melhoria do atendimento aos usuários do sistema. “Estamos muito felizes pela parceria que vem dando certo, além das emendas para a nova frota, Giacobo trouxe mais de R$ 1,6 milhão para a compra de equipamentos novos para o Hospital Municipal e a ampliação das salas cirúrgicas”, acrescentou.
Giacobo reforçou o compromisso com a cidade. “Foz do Iguaçu é uma referência, vamos continuar apoiando e fazendo cada vez mais gestão em saúde pública. Sabemos da dificuldade por ser uma cidade de fronteira, mas vamos trabalhar em conjunto para avançar ainda mais”, expressou.

Deixe um comentário