Giacobo anuncia importantes obras para a infraestrutura de Foz do Iguaçu

IMG_20180518_172314_253

Giacobo anuncia importantes obras para a infraestrutura de Foz do Iguaçu

A assinatura dos projetos aconteceu no Hotel Mabu e contou com a presença da Governadora do Paraná, Cida Borghetti, do prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro; do vice-prefeito, Nilton Bobato, além dos deputados federais Fernando Giacobo (PR) e Alex Canziani (PTB) e do representante da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Ratinho Junior (PSD).
Durante o evento, Casimiro assinou a Ordem de Serviço para ampliação do terminal do Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, a duplicação de um trecho da BR 469 (Rodovia das Cataratas) e a construção da Perimetral Leste (via que vai ligar a BR 469 a BR 277), desafogando o trânsito de caminhões e carretas que hoje precisam passar pelo centro da cidade. 
Os recursos são do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Itaipu Binacional e da Infraero. Os investimentos ultrapassam os R$ 460 milhões. 
Em seu discurso, o ministro Valter Casimiro falou da importância dos projetos para a melhoria da infraestrutura da cidade, dos próprios moradores e dos turistas que visitam Foz do Iguaçu. “São obras importantes para o desenvolvimento de Foz do Iguaçu, principalmente no Aeroporto, que irá dobrar sua capacidade operacional. Além disso, a Perimetral vai permitir a retirada de caminhões do centro da cidade para equilibrar o tráfego, e a duplicação da BR 469 vai possibilitar um melhor acesso aos principais pontos turísticos da cidade”, comentou. 
Casimiro destacou ainda as parcerias com a bancada federal do Paraná e os demais órgãos envolvidos nos projetos. “Sabemos das dificuldades financeiras do Governo Federal e tivemos que reduzir gastos em todos os setores, então somente com a ajuda dos parlamentares que aportaram recursos no Ministério e os demais parceiros, como Itaipu, DNIT e Infraero, é que estamos aqui hoje anunciando importantes obras para Foz do Iguaçu. Seria impossível anunciar estes projetos sem essas parcerias”, frisou. Segundo o ministro, em no máximo dois anos todas as três grandes obras devem ser concluídas. 
Marco Histórico
Para o prefeito Chico Brasileiro, a data de hoje representa um marco histórico para o município, já que estes projetos são aguardados há mais de 20 anos. “Foz precisava desse olhar especial do Governo Federal e deste compromisso que está sendo firmado hoje. Os recursos estão garantidos, e essas obras farão com que Foz seja uma cidade ainda melhor, capaz de duplicar sua capacidade de receber turistas e grandes investimentos, como hotéis, resorts e parques temáticos. Teremos um giro expressivo na economia e um quantidativo de empregos nos próximos anos. Foz, ao lado do Rio de Janeiro, se transformará em um dos principais pontos turísticos do mundo”, disse.
O deputado federal Fernando Giacobo garantiu que continuará a lutar por grandes projetos de interesse dos iguaçuenses. “A bancada federal do Paraná foi decisiva nesse processo. Sem duvida, vamos continuar correndo atrás de novos investimentos e acompanhar o desenvolvimento dessas obras”. 
O diretor geral brasileiro da Itaipu, Marcos Stamm reforçou a parceria entre Itaipu e Prefeitura para o desenvolvimento da cidade. “É uma satisfação fazer parte desta forma integrada de trabalho. Estamos correndo juntos atrás dos sonhos de Foz”. 
Aeroporto
Além da ampliação e melhorias do terminal, o ministro assinou o protocolo de intenções entre a Infraero e a Itaipu Binacional para ampliação da pista de pouso e decolagem em 1.000 metros. Com investimento previsto de R$ 37,2 milhões, a ampliação do terminal será de 40%, passando dos atuais 10 mil metros quadrados para 14 mil metros quadrados. 
Segundo o secretário de Turismo, Indústria, Comércio e Projetos Estratégicos de Foz do Iguaçu, Gilmar Piolla, a melhoria permitirá dobrar o número de embarques e desembarques no Aeroporto, com o atendimento de 4 milhões de passageiros por ano.  “Vai ser uma revolução para o nosso turismo. Vamos dobrar a capacidade do Aeroporto, e isso significa uma melhoria da conectividade aérea com destinos internacionais, que virá com voos diretos para Europa e Estados Unidos”, adiantou. 
No projeto, estão contempladas 4 pontes de embarque e a ampliação de 5 para 7 as posições de aeronaves no pátio, alem de outras comodidades, que garantirá maior conforto e segurança para os usuários. 
Presenças 
Também participaram do evento o presidente da Infraero, Antônio Claret de Oliveira; o diretor do DNIT, Luiz Antonio Garcia; o superintendente do Aeroporto de Foz do Iguaçu, Jassir Araujo dos Santos; o diretor presidente da Itaipu Binacional, Marcos Stammo; o presidente da Câmara de Vereadores, Rogério Quadros, além de secretários municipais, vereadores e demais autoridades.

Deixe um comentário